Dados em Tempo Real

Soluções para Sensoriamento Remoto têm sido a chave para que a produção agropecuária seja mais efetiva. A solução de sensoriamento remoto utilizada no eProdutor é estruturada para atender as especificidades do campo. Os módulos IOT possuem características diferenciadas para promover os melhores resultados no processo, com comunicação sem fio, bateria integrada e alta capacidade de processamento.

A solução de sensoriamento remoto permite o registro de dados mesmo em condições de falta de energia. Ela possibilita o diagnóstico de possíveis problemas, desvios ou desperdícios em curso na produção, beneficiando a avicultura, suinocultura e a piscicultura. podendo ser personalizado para atender outras demandas do produtor rural.

Esse acompanhamento pode ser feito a partir de qualquer dispositivo móvel, que recebe informações a partir do sensor ou da estação, facilitando a experiência dos gestores desses processos.

Gestão da Produção Avícola 

Na gestão da produção avícola, os sensores monitoram dados variáveis, como: CO₂, consumo de água, consumo de energia, consumo de ração, luminosidade, mortalidade, operação de equipamentos, peso, precipitação, temperatura, umidade, direção do vento, velocidade do vento, além de Compostos Orgânicos Voláteis (VOC).

Com a ferramenta de sensoriamento remoto, o produtor possui em mãos informações mais precisas. Ou seja, é possível aplicar diferentes formas de manejo, aumentando assim a eficiência do lote.

Assim, o ecossistema gera ganhos de rentabilidade para todas as pontas: o produtor, o integrador e o consumidor final, com rastreabilidade de todo o processo produtivo e garantia do bem-estar animal.

Dados Climáticos

A solução de Dados Climáticos, em parceria com a empresa B2K, é composta por uma estação meteorológica projetada e desenvolvida para auxiliar produtores rurais a tomarem ações preventivas em vez de corretivas. Por meio deste monitoramento, é possível saber o melhor momento para o plantio, monitorar o processo de desenvolvimento de culturas  e estimar produções agrícolas.

Tudo isso é feito a partir de nove parâmetros atmosféricos: temperatura, pressão atmosférica, umidade relativa do ar, quantidade chuva, direção do vento, intensidade do vento, rajada de vento, intensidade luminosa e intensidade ultravioleta.

A partir dessas análises, o produtor consegue antecipar e prever pragas e também aplicar defensivos de forma mais assertiva, por exemplo, já que tem em mãos informações sobre o clima que influenciam nesses processos.

 

 

 

 

 

One thought on “Granjas e lavouras geram dados em tempo real com sensores inteligentes e estações meteorológicas

  1. Pingback: Sucessão familiar: tecnologia ajuda a manter as atividades no agronegócio - eProdutor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *